Modelo chega às concessionárias custando a partir de R$ 45 mil.

A terceira geração do carro da empresa Ford, modelo Ka, chegou ao Brasil no ano de 2014 seguido de sua comercialização, como a esperança da marca norte-americana para bater de frente com o Chevrolet Onix e o Hyundai HB20. E a estratégia da Ford ainda deu tempo de dar certo, o carro conseguiu fechar o ano de 2017 sendo o terceiro modelo mais vendido no Brasil, com quase 94,9 mil modelos comercializados.

Uma coisa que agrada muito os proprietários do Ford Ka 2019 é que ele possui em sua composição de motor, dois motores bem modernos, o primeiro é 1.0 composto por três cilindros e podendo alcançar até 85 cavalos de potência. Já o segundo é um pouco mais forte, um 1.5 que chega até 110 cavalos. Porém, independente da diferença, ambos proporcionam um ótimo desempenho ao Ford Ka.

Tendo seu lançamento no ano de 2014, o carro Ford Ka da atual geração apareceu como um projeto mundial com vistas a atender não apenas o mercado brasileiro, e sim também o indiano, onde surgiu com o nome diferente do Brasil, chamado Figo e também o mercado europeu, onde será fabricado em Craiova, na Romênia.

Possuindo como plataforma uma variação do também famoso New Fiesta, o carro de modelo compacto desenvolvido pela Ford no país trocou a primeira geração, que tinha recebido mudanças muito significativas por aqui, mas ainda era feito de quatro portas como exemplo.

Detalhes novos e preços

Ainda que estão escritos os artigos de mudança do Ford Ka, para fazer essa percepção, será exigida muita atenção para que se perceba a "olho nu" todas elas, pois são pequenos detalhes mas que contribuem totalmente para sua mudança e inovação tecnologica. A parte dianteira tem como destaque o seu novo modelo de para-choque, que traz desenho mudado, com uma nova entrada de ar em sua parte inferior e faróis de neblina inseridos numa harmonia em formato que lembra a letra C, que em versões consideradas top de linha pode vir com detalhe cromado.

Composto ainda o novo modelo da nova grade hexagonal, que também pode ser encontrada na versão cromada nas configurações mais caras, faróis e lanternas com novo design e layout interno, rodas de liga-leve tendo o tamanho de 15 polegadas e suas calotas com a mesma unidade de medida calotas de 14, tem também retrovisores com função de repetidores de quando ativada a seta e o para-choque traseiro que o desenho parece o padrão da mesma peça dianteira.

O modelo hoje traz consigo com grande importância equipamentos para melhorar a segurança, como seus aços que aumentam a resistência em diversos pontos da estrutura, detalhes extras no teto e nos pilares, os aços mais grossos que chegam até 1,2 mm. Tendo em vista o que a empresa disse sobre isso, ele aumentará muito a resistência nos dois modelos, mas ela será quase o dobro no modelo Sedan.

A sensação sentida dentro do veículo ainda sim será a mesma do Ka da terceira geração, isso pelo motivo de, diferente do EcoSport, o carro trazer mudanças menores. O seu destaque momentâneo ou permanente é o painel, que conta agora com o modelo "flutuante", tendo uma multimídia incrível com tela de 6.6 polegadas.

O seu preço ainda sim mesmo com essas mudanças é de um carro popular, até porque não pode se distanciar muito do modelo Onix e HB20, e seu preço também poderá variar conforme seu modo de transmissão e acessórios, por exemplo, o Ford Ka S 1.0 Transmissão Manual 2019 sai pelo preço de R$ 45.490, já sua versão mais completa e automática pode sair por R$ 67.990.

Gustavo Martins


Confira aqui todas as informações sobre o novo Ford Ka SE 2019.

O Ford Ka SE 1.0 2019 é um modelo tão básico que fica até difícil convencer o consumidor que vale a pena adquiri-lo, ainda mais que no mercado há outros modelos, na mesma linha, na mesma média de preço, mas que oferecem bem mais. A Ford prometeu muitas novidades para o novo Ka 2019, entre elas uma reestilização no visual, motor 1.5, câmbio automático, porém, tudo isso só está disponível nas versões mais caras, porém, o brasileiro está de olho é nas mais baratas, como é o caso da SE, que custa R$ 45.990, mas não oferece praticamente nada de novo.

Quem for conhecer a versão SE do Ka 2019 não encontrará as tão comentadas novidades, pois o modelo traz uma discreta mudança no visual, algo quase imperceptível, por exemplo, leves retoques nos faróis e um 'C' nos para-choques. Na parte externa, pode-se dizer que isso é tudo que o novo modelo realmente tem a oferecer, sendo que em um primeiro momento tais detalhes nem são percebidos, de tão discretos que são.

Na parte interna as novidades também são mínimas e mesmo assim, não agradam tanto, por exemplo, o novo rádio só está nesta versão mais barata, porque nas mais caras foi disponibilizada a central multimídia SYNC 3. O revestimento de fato é novo, mas nada que se destaca, que vá chamando logo a atenção, é preciso reparar bem para notar que ele foi modificado.

Pouco acima do som tem um porta-objetos que poderá ser utilizado como um porta-celular, para isso é só abrir a tampa, colocar o aparelho nele e depois fechar, de forma que o smartphone fique preso na posição horizontal. Dentro desse porta-objeto tem uma entrada USB, então é possível colocar o aparelho para recarregar enquanto o GPS vai sendo utilizado, ou mesmo durante o trajeto na cidade ou viagens.

Outro ponto negativo o SE 2019 é o motor 2.0 TiVCT de 85/80 cv, que atende o básico e nada mais que isso. Para usar no dia a dia, sem pressa e sem exigir do carro, é tranquilo, mas nas viagens ou quando tiver 3 passageiros, aí será preciso paciência.

De acordo com os testes realizados pelo Inmetro, o consumo de combustível fica em 9,2 km/l na cidade e 13/4 km/l na estrada, quando o veículo é abastecido com etanol. Com gasolina, ele faz 10,7 km/l na cidade e 15,5 km/l na estrada. Vale lembrar que esses números variam muito e para garantir uma boa economia é preciso trazer a manutenção sempre em dia, abastecer em posto de confiança, ficar atento ao alinhamento e balanceamento, além de calibrar os pneus semanalmente.

O SE traz o novo câmbio manual com 5 marchas, o MX65, que pesa 35 quilos a menos que seu antecessor. A Ford garante que este é bem mais preciso nos engates, mas na prática não faz tanta diferença. O que melhorou realmente foi a direção com assistência elétrica, que agora está bem mais direta e deixou o compacto mais preciso nas manobras, mas sem deixar de ser leve.

A suspensão sofreu uma ligeira alteração, ficando mais firme para garantir maior estabilidade e isso é sentido na estrada, quando se alcança velocidade mais alta. Na curva, o SE 2019 se sai muito bem.

O problema do Ka SE é que ele oferece muito pouco ao consumidor e ainda tem o fato de que ele disputa o mercado diretamente com dois grandes rivais, o Onix da Chevrolet e o HB20 da Hyundai, dois modelos que estão muito bem equipados, com grandes novidades e um lindo visual.

Mas se o consumidor fizer mesmo questão de ficar com o modelo da Ford, então a dica é pagar um pouco mais e levar a versão SE Plus, ao menos assim estará melhor atendido, levando um veículo com a central SYNC 3, retrovisores elétricos, todas as portas com vidros elétricos e sensores traseiros de estacionamento.

Por Russel


Modelo pode ser comprado à vista por R$ 39 mil.

A Ford comunicou o desconto na semana passada para quem paga à vista o Ka 2018. Além dessa excelente oferta, também oferece as melhores condições de financiamento.

Atualmente o Ford Ka é o terceiro carro mais bem vendido no mercado brasileiro, sendo ultrapassado somente pelo poderoso GM Ônix e o Hyundai HB20. Esse pequeno gigante também exibiu sua última novidade no salão de São Paulo, sendo batizado como Ka Trail, com visual pra lá de aventureiro, mas com o preço bem salgado de R$ 47.690 mil.

O que mais atrai os usuários é justamente o preço atrativo de R$ 39.990 para o Ka 1.0 SE, que deveria ser vendido por R$ 43.760 sem desconto. Caso o usuário não pretenda pagar à vista pode optar pela oferta de financiamento, incluída na promoção, com entrada de R$ 23.994 e parcelar o restante para 24 vezes de R$ 711.

O novo modelo SE já sai equipado com ar-condicionado, direção elétrica, vidros da frente também elétricos e travas com controle remoto. Além disso, o utilitário ainda oferece direção com possibilidade de reajuste de altura e porta-malas com abertura elétrica, um conforto a mais do novo utilitário.

Mas quem pensa que acabou por aí, nada disso, o Ka 1018 1.0 oferece som My Connection com comando de voz e Bluetooth, além do MyFord Dock, para poder fixar o aparelho celular ao painel.

Segundo Fernando Pfeiffer, gerente de produção da Ford: “O Ka é um carro moderno, completo e econômico”, diz ele, explicando que o modelo trouxe um padrão atual para o segmento de compactos de entrada.

Além de todos esses atributos, Fernando ressalta que essa oferta atrativa reforça mais ainda a proposta de melhor compra da categoria.

Para o usuário essa deve ser uma das melhores opções de compras do momento, por isso eles fazem questão de elogiar: “Carrinho bom de pilotar esse”, diz um internauta, enquanto outro reforça: “Bom carro, bem equipado, desde a versão de entrada. Melhor negócio do momento”.

O Ka 1.0 SE (FLEX) 2018 pode ser abastecido por álcool ou gasolina, sua potência é de 85 cv (álcool) ou 80 cv (gasolina), com tanque para 52 litros de combustível e capacidade para 5 ocupantes.

Por Ruth Galvão


Saiba todos os detalhes do novo Ford Ka 2018 que será lançado em breve.

Não é novidade para ninguém que a disputa das montadoras no mercado de carros populares é cada vez maior. As mais tradicionais como GM, Ford, WV e Fiat é que abocanham a maior fatia do bolo, cerca de 65% do total. A bola da vez foi a Ford com seu novo lançamento do seu compacto Ka. A montadora anunciou que vai lançar, até o fim do mês, a versão um pouco mais aventureira do modelo, chamada de Trail. Na verdade, a versão foi apresentada no famoso salão de carros de São Paulo, no final do ano passado, mas as informações mais detalhadas sobre preços e motorização, ainda não tinham sido reveladas.

Segundo a Ford, o preço do novo Ka Trail terá preços de R$ 48.790,00 na versão 1.0 e de R$ 52.790,00 na versão 1.5, ambas com carroceria hatchback e com câmbio manual de cinco marchas.

Os diferenciais dessa versão são as rodas de liga leve de 15 polegadas, faróis de neblina, maçanetas e capa dos retrovisores na cor cinza, rack de teto exclusivo, além de detalhes nas laterais e traseiras nas cores cinza e laranja.

Por dentro o Ka Trail ainda tem bancos parcialmente revestidos em couro, pedais esportivos e suspensão elevada, o que reforça o apelo do estilo off road.

O modelo já chega como versão 2018 juntamente com o aumento de preço de todos os modelos da família Ka, o que pode ser ou não uma boa idéia, se a intenção for alavancar as vendas.

Os preços do modelo da montadora americana vão variar de R$ 43.760,00 com motorização 1.0 até R$ 48.090,00 como motor 1.5. A Ford ainda afirma que a nova versão Trail 1.5 não será a top de linha da família Ka, pois terá uma versão mais cara que será a SEL 1.5, que sairá por R$ 54.690,00. A Ford espera que essa nova versão seja um estouro nas vendas e os entusiastas da marca esperam ansiosamente pelo lançamento do compacto.

Vamos ver se o consumidor está animado para desembolsar quase 55 mil reais por um carro, nessa época de crise financeira que assola o país há quase dois anos. Quem viver, verá!

Rodrigo Souza de Jesus


Confira aqui os novos preços do Ford Ka e Ka+ 2018.

A Ford já começou a venda da linha dos seus carros de 2018 como, por exemplo, o de seu carro de entrada, o Ka, e a sua versão variante, o sedã Ka +. Ambos apresentam preços elevados, como a versão Ford Ka + SEL Plus 1.5 ,que tem o preço da versão de 2018 de R$ 60.690,00, antes o valor correspondia a R$ 59.790,00.

Este ano também está prevista a chegada para o mercado da versão aventureira do Ka, ou seja, a Trail, além de uma outra que tem câmbio automático. Os motores não têm novidades e continuam com o 1.0 e 03 cilindros com até 85 cv e o 1.5 de 04 cilindros, que pode chegar a 11 cv. O câmbio manual é o de 05 marchas.

O novo modelo do Ford Ka 2018 apresenta novidades em relação às outras versões como a versão automática do carro, que é uma das novidades mais esperadas para a linha de 2018. Além disso, a versão compacta aventureira, o Ka Trail, tem o preço de R$ 52.790,00 para a versão 1.5 de 110 cv. Ele se destaca por ter rodas de liga leve de 15 polegadas na cor cinza, além de diferenciais como a rack do teto, retrovisores e maçanetas pintados na cor denominada London Grey.

Entre outras novidades para esta versão destacam-se as molduras dos faróis exclusivos, além de adesivos nas laterais e na traseira com grafismo em cinza e laranja. O interior do carro também conta com diferenciais como, por exemplo, os bancos, que são revestidos de forma parcial em couro, além de costuras coloridas em laranja e verde e pedais esportivos. O carro conta com os mesmos itens da versão de acesso, a SE, que já tem direção com assistência elétrica, ar-condicionado, travas e vidros elétricos dianteiros, rádio com conectividade por meio de Bluetooth e também via USB, Ford My Doc e também assistente de partida em rampa.

A Ford também já iniciou a exportação do Ka para o mercado argentino e a versão é o hatch que tem o motor Sigma 1.5. O carro também é vendido em outros locais como a Índia e outros mercados da Ásia.

Por Babi


Ford Ka e Ka+ terão design mais turbinado e motor mais potente na linha 2016, além de novos itens de série.

O ano de 2016, que já se aproxima, virá com grandes novidades para quem gosta de um carro popular de design interessante e econômico como o Ford Ka.

Pelo que já foi informado pela montadora norte-americana, Ford, o Ka vai ganhar roupagens mais turbinadas e motor um pouco mais potente. Então, se você está na expectativa de trocar de carro, aguarde para ver o que o novo Ka terá para oferecer.    

Mas você já deve estar se perguntando: o que é o Ka+? A gente responde: Essa Ka+ é a versão superpotente e moderna do Ka na versão mais simples. O Ka+ virá com faróis para neblina; além de retrovisores com comandos elétricos; ancoragem ISOFIX para firmar bem a cadeirinha do bebê; sistema MyConnection para permissão de comando voz  por Bluetooth; entrada USB e suporte para GPS e/ou celular.   Porém, citar todos esses atributos do Ka+ não significa que no Ka 2016 será “pé duro”. Pelo contrário, estarão nele também itens como a cadeirinha ISOFIX e retrovisores elétricos, que antes não existiam nem na lista dos opcionais. Falando nisso, a Ford segue oferecendo também para a família Ka itens como ar condicionado, direção hidráulica, travas e vidros elétricos. Importante citar que o câmbio na tecnologia PowerShift, com transmissão  de cinco  velocidades.  

Nos novos Ford Ka permanecerão os motores 1.0 e 1.5 flexíveis, com opções de cavalos de potência de 110 (E) ou 105 (G).  

A variação de preço do Ford Ka, versão mais simples, como  o SE 1.0 será de  R$ 39.990 e o de SEL 1.5 será comercializado por  R$ 52.290, preços dentro da média para um carro que vai ganhar novas perspectivas, as quais, sem dúvidas, vão colocar o Ka e o Ka+ entre os preferidos para quem gosta de carro popular.  

Como estarão no mercado logo no primeiro semestre de 2016, dá tempo ainda de analisar se as condições financeiras darão para comprar o Ka ou o Ka+. Mas, seja qual for a sua opção, saiba que a Ford está fazendo de tudo para elaborar um projeto que vai lhe surpreender. 

Por Michelle de Oliveira

Ford Ka 2016

Ford Ka+ 2016

Fotos: Divulgação





CONTINUE NAVEGANDO: