Novo Nissan Leaf 2023 tem autonomia de 341 km e até 214 cavalos


Nissan Leaf 2023: hatch elétrico deve chegar em sua última versão com alterações importantes na parte de tecnologia e autonomia; saiba mais.

O Nissan Leaf foi um dos primeiros carros elétricos a serem lançados nos Estados Unidos, assim como no Brasil, e alcançou bons resultados, chegando a alcançar o topo da lista de carros elétricos mais vendidos considerando o mundo todo. Nos últimos anos, porém, o modelo perdeu força no mercado norte-americano, sobretudo, e viu rivais como a Tesla alcançar mais de 120 mil unidades vendidas apenas com o modelo Model 3, enquanto o Leaf nem sequer chegou às 15.000 unidades emplacadas.


Talvez pelo momento ruim, a Nissan tem planos de fazer com que a linha 2023 do modelo seja a última, pois pretende substituir o hatch por um SUV Crossover, que provavelmente será a nova aposta da fabricante japonesa para retomar os bons tempos vividos com o Leaf.


Na linha 2023, teremos apenas duas versões do Leaf: a S e a SV Plus. Essa redução no número de versões pode ser uma espécie de “comprovação” das intenções da montadora japonesa com relação ao hatch elétrico. Porém, mesmo que seja a última, a linha 2023 do Nissan Leaf representará uma saída em grande estilo para o hatch elétrico. Isso porque, embora apresente poucas mudanças no design externo, as rodas com aro 17” ganharam detalhes inéditos e os faróis dianteiros foram equipados com novos detalhes na cor preta. A grade dianteira em formato de V, bastante tradicional no Leaf, recebeu algumas alterações e ficou um pouco menos proeminente. O logo da Nissan, posicionado ao centro da grade, recebeu iluminação na linha 2023. Já na parte traseira, vemos uma carroceira levemente reformulada, de modo a contribuir para uma melhor eficiência na parte aerodinâmica do carro.


Na parte interna, o hatch recebeu um estofamento totalmente novo, em tecido na cor preta, porém apenas na versão SV Plus, enquanto a versão S possui apenas acabamento na cor cinza. Entre as novidades, o volante agora conta com o símbolo da Nissan, assim como a inicialização do painel de instrumentos, que recebeu nova animação. Outra novidade importante é o uso da tecnologia Safety Shield 360, sistema de proteção desenvolvido pela Nissan de modo a garantir mais segurança aos ocupantes do carro.


Com essa tecnologia, a montadora japonesa dota seus carros de sistemas de monitoramento que analisam, em tempo real, as condições do terreno no qual o veículo está, e têm a capacidade, inclusive, de frear o carro ou corrigir desvios de rota. A versão SV Plus do Leaf adiciona, ainda, outras tecnologias, como o Intelligent Around View Monitor, sistema de câmeras que permitem visualizar todos os arredores do carro.

Mesmo com toda essa tecnologia, o destaque maior do Leaf são realmente as configurações técnicas. A versão S do hatch elétrico está equipada com um motor elétrico capaz de alcançar os 147 cavalos de potência, 33 kgfm de torque e uma bateria com 40 kWh. Já o SV Plus, mais potente, conta com motor elétrico de 214 cavalos de potência, torque de 35 kgfm, além da bateria de 60 kWh. A autonomia das duas configurações deve variar entre 240 km, na versão S, e até cerca de 360 km na versão SV Plus.

Com relação aos valores, a Nissan divulgou que, nos Estados Unidos, o Leaf S será vendido por valores a partir de $28.895 dólares (em torno de 150 mil reais), enquanto a versão SV Plus custa a partir de $36.895 dólares (algo em torno de 190 mil reais*).

Espera-se que a nova geração do Leaf, já substituída pelo SUV crossover, seja lançada em 2025.

* Os valores em reais podem variar com o tempo. Foram calculados com o dólar valendo R$5,15.



Outros Conteúdos Interessantes

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.