VW Kombi Elétrica: protótipo em versão picape


A Kombi é, sem dúvidas, um dos veículos mais conhecidos e com mais histórias para contar no mundo todo. De origem alemã e produzida entre 1949 e 2013, a Kombi tem até um dia dedicado a ele: o dia 02 de setembro é considerado o dia da Kombi, como uma forma de homenagear o tão tradicional veículo. No Brasil, o veículo começou a ser produzido em 1953, montada pela Brasmotor, empresa posteriormente renomeada como Brastemp.


O veículo foi projetado pelo holandês Ben Pon, que começou a esboçar a Kombi ainda em 1947. A ideia era criar um veículo que fosse leve, mas tivesse, ao mesmo tempo, boa capacidade de carga. Em 1950, a Kombi, pela primeira vez, saiu às ruas em dois modelos: o Microbus, que possuía bancos fixos e três janelas, e o Kastenwagen, um furgão com bancos removíveis e três janelas laterais.


Desde então, o veículo passou por diversas modificações e aperfeiçoamentos. Porém, no ano de 2013, a Kombi parou de ser produzida pela Volkswagen no Brasil. Isso porque a instalação de air duplo e freios ABS passou a ser obrigatória e, em virtude da estrutura do veículo, não foi possível abrigar de modo adequado o air bag e, dessa forma, deixou de ser produzida por aqui, para decepção dos apaixonados por esse clássico.


Kombi em versão picape elétrica: será?

Recentemente, o Grupo Volkswagen publicou, em sua conta oficial no Twitter, uma imagem da inédita versão picape do conceito ID. Buzz, que encaminhou o projeto de produção de uma Kombi elétrica. O conceito da versão picape da Kombi ainda é só um protótipo e, conforme a postagem do Grupo VW, trata-se apenas de uma ideia de produzir uma versão da ID.Buzz como picape. Assim, não temos ainda qualquer confirmação se o protótipo chegará futuramente às linhas de produção. Contudo, Scott Keogh, CEO do Grupo VW na América do Norte, declarou recentemente que a montadora tem realizado estudos para lançar no mercado uma picape elétrica, caso haja demanda.


Após essa afirmação e a publicação da imagem do protótipo de picape elétrica nas redes sociais, sites especializados passaram a especular as vantagens de termos uma picape em versão elétrica. Segundo alguns sites, a picape seria ainda mais prática que a versão de cabine dupla da Kombi, lançada lá atrás, nos anos 1980. A partir da imagem publicada, imagina-se que a cabine seria a mesma da versão ID. Buzz, o que faria com que o espaço interno do modelo fosse melhor organizado.

Isso porque, a versão picape da Kombi tinha o motor colocado na parte traseira, o que fez com que a caçamba do modelo perdesse profundidade. Já na versão ID.Buzz, embora a posição seja a mesma, a configuração do motor elétrico foi mais compacta, o que proporcionou à caçamba ganhar mais profundidade, porém perder alguns centímetros de comprimento.

ID.Buzz: versão elétrica da Kombi

O projeto ID.Buzz, uma versão elétrica da queridinha Kombi, deve chegar em breve no mercado. Sites especializados especulam que maiores informações sobre o modelo serão apresentadas em julho, quando finalmente a VW deve lançar o ID.Buzz. Em 2023, o modelo deve chegar aos Estados Unidos, e a boa notícia para os fãs da Kombi é de que sim, a versão deve chegar ao mercado brasileiro.

O VW ID Buzz, como deve ser chamada a nova versão, terá 4,71 metros de comprimento, 1,985 m de largura, quase 1,94 m de altura e 2.988 m entre-eixos. A princípio, espera-se que o modelo seja oferecido na configuração de cinco lugares com o assento traseiro podendo ser rebatido ou reajustado a fim de aumentar o espaço do porta-malas.

Em julho, devemos conhecer também a versão para três ocupantes, que deverá ser uma versão comercial. Espera-se que novos modelos sejam lançados, inclusive um com sete lugares e mais amplo.

Por enquanto, seguimos esperando mais novidades sobre a versão elétrica da Kombi.



Outros Conteúdos Interessantes

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.