Honda CG Titan, Fan, Cargo e Start 2022 – preços e características


Classificação dos modelos da Honda: CG Titan, Fan, Cargo e a Start. Edições 2022.

A linha Honda CG 160, constitui o mais recente modelo de moto comercializado em mercado brasileiro, seguindo uma sequência de gerações há cinco décadas. Embora clássica, a tecnologia chegou para somar itens e projetar a série para frente, acumulando liderança no comércio nacional.



Para começar, a CG 160 está estruturada para encarar as mais rudes estradas, mantendo seu moderado desempenho, robusto e essencial, atingindo sua meta com boa autonomia de combustível e eficiente segurança.



A série é comercializada nas seguintes versões: a Start, a Fan, a Titan e a Cargo. Os valores, conforme a versão, estão entre 10.520 e 13.040 reais. Cada tipo de moto, nessa sequência, atende a um perfil específico de consumidor, integrando acessórios diferenciados, que entregam bons resultados.

A – Vazada em design básico, a Start chega aos consumidores munida de tanque com pintura em tonalidade evidente da moto; está desprovida das carenagens laterais. O novo banco, para condutor e passageiro, está inteiramente preto.

Portanto, toda a carenagem está na cor preta, incluindo as tampas laterais e até as molduras de rabeta, seguindo na mesma tonalidade o para-lama dianteiro. As rodas, nessa edição, são de tipo raiadas, em aro 18 polegadas, utilizando pneus 80 por 100 (roda dianteira) e 90 por 90 (roda traseira).

Sistema de freios CBS, operando via tambor de 130 milímetros; suspensão dianteira de tipo garfo telescópico; suspensão traseira tipo balança, acrescida de duplo amortecimento, com ajuste para cinco posições na pressão de molas; quadro de tipo tubular Diamond.

B – A CG 160 Fan: melhor equipada que a anterior, possui carenagem no farol em duas tonalidades, tipo farol diamante; os piscas são brancos e a lanterna é convencional. Novo tanque com capacidade de 16 litros, repleto de carenagens nas laterais. Sua carenagem traseira e em seu para-lama dianteiro se misturam com a cor da própria moto; as rodas são de liga leve, acabamentos em cor preta.

Sistema de freios combinados, tipo CBS, operando via disco ventilado na roda dianteira (240 milímetros); o tambor traseiro tem 130 milímetros.

C – CG 160 Titan: Top de linha. Faróis com boa e distinta carenagem, suplementada de desenho muito mais expressivo, mesclando-se na tonalidade da moto, combinando, nas laterais cores prata e preta, exclusivas desta versão. As alças atreladas ao banco são de tipo liga leve.

D – CG 160 Cargo: chega aos consumidores em pintura branca e formato equivalente às versões Fan e Titan. Possui diferenciais nas carenagens sobre o tanque, incluindo aplique em ton preto, ao passo que a tampa do combustível é de tipo esportiva.

Ambos, rabeta e para-lama dianteiro têm cor equivalente à do veículo; tampas laterais em tons de preto; o banco está estruturado em duplo nível. A presença de novo suporte metálico, lindamente cromado, para acomodar o baú de cargas, com máximo para transporte de cargas de 20 quilos; este mesmo suporte é removível, garantindo mais espaço e conforto. As novas rodas são de liga leve, com aro raio 18 e mais o suporte dos pedais de passageiros.

Valores de cada versão no mercado nacional:

1 – A versão CG 160 Start está na faixa de 10.532 reais;

2 – A versão CG 160 Fan está na faixa de 11.760 reais;

3 – A versão CG 160 Titan está na faixa de 13.040 reais;

4 – A versão CG 160 Cargo está na faixa de 11.900 reais.

A versão top de linha é a mais cara e mais incrementada no pacote de itens de série. Confira mais no portal: https://www.honda.com.br/motos/modelos.



Outros Conteúdos Interessantes

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.