Renault Captur Bose 2020 – Novidades da Edição Especial





Novo modelo chega às concessionárias custando a partir de R$ 96 mil.

A grande companhia automobilística, de origem francesa, está divulgando o novo lançamento no mercado do segmento. Não é um veículo barato, porém, de alta categoria. Aquele tipo de carro que se adquire para vida toda.

Trata-se, aqui, do novo modelo intitulado Renault Captur, vazado na edição Bose, que inicia no comércio no valor de 96 mil. Esse é um investimento de grande vulto, e que vale a pena.




Deste modo, a companhia Renault, por meio de sua grande liderança, iniciou o período de vendas dessa linha limitada, a Captur Bose, que consiste em uma série de modelos munidos de itens novos e variados, entre esses, destaca-se o chamado sistema de áudio já presente na mais popular marca norte-americana.

Entre outros itens estão os seguintes:

Um aparato complexo que inclui o chamado amplificador digital, inteiramente customizado, vazado em sete canais e acrescido de um conjunto de alto-falantes de tipo subgraves instalados no interior do porta-malas, e estrategicamente posicionados de modo a não comprometer o amplo espaço de bagagem que o mesmo possui.


Ele está equipado do mesmo aparelho de áudio, que é o dispositivo Media Evolution, munido de uma ampla tela capacitiva de sete Polegadas e do sistema de integração para aparelho celular atualizado via sistema Android Auto e sistema da Apple Car Play.

Essa linha está sendo produzida em algumas versões, as quais estão equipadas dos seguintes tipos de motor:

Com relação às versões CVT, se trata de veículos equipados com um motor em 1,6 por litro, e desempenho de 120 CV. Na versão automática é de 2,0 litros e desempenho de 148 CV.

Essas mesmas versões estão munidas de novo revestimento sintético, de alta padrão, em todos os bancos; neste caso as soleiras das portas possuem gravada a inscrição Bose e os logotipos estão marcando presença bem próximos dos dispositivos retrovisores externos.

Esta mesma linha, conforme foi elaborada pelos engenheiros, possui pintura inédita em, pelo menos, dois tons de cinza Cassiopée distinto da pintura do teto, em prata Étoile. Outros modelos, na mesma série, estão disponíveis em outras combinações de cores, tais como o preto distinto do teto em prata; ou o branco distinto do teto preto e também na cor vermelha, distinta de um teto em cor preta.

Este novo lançamento que constitui a edição Bose está sendo produzida dentro da linha 2020, que é a do modelo Captur, a qual está munida de algumas novidades, tais como: o dispositivo dito temporizador de farol; o sistema de rebatimento automático sobre os retrovisores no ato de travar o automóvel e a força de luz tipo cortesia, instalada no Para-Sol sobre o banco do passageiro.

Sobre o valor no mercado automobilístico, seguem as informações:

Essa linha está dentro do esquema de “preços sugeridos”, constituindo modelo Captur Bose um tipo de automóvel que vale 96 mil, em se tratando da versão equipada de motor 1,6 CVT.

O valor está em 97 mil em se tratando da versão equipada de motor 2.0 automático. Existem mais versões além das acimas citadas, as quais estão equipadas dos itens de série, tais como o sistema de ar-condicionado automático; o recurso da câmera traseira para manobras mais seguras; o dispositivo de chave presencial; o sistema controlador e o sistema limitador para a velocidade; dispositivo de faróis e os limpadores automáticos; está equipado das rodas em raio 17 polegadas; está munido do sistema de controle eletrônico para garantir a estabilidade e o sistema de segurança que inclui as bolsas infláveis instaladas nas laterais das partes dianteiras.

Paulo Henrique dos Santos

Compartilhar:


Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *