Nova Versão do Volkswagen Jetta 2019





Nova Versão de Entrada chegará às lojas custando R$ 99.990.

Toda estreia de um novo veículo, sobretudo oriundo de uma grande marca, torna-se um evento ímpar. Recentemente, em território nacional, mais um modelo de automóvel foi oficialmente lançado. Embora mais simples, este carro promete tanta eficiência quanto antes.

Deste modo, a grande companhia Volkswagen, por meio de seus engenheiros, fez produzir um novo tipo de modelo Jetta. Este, agora, está vazado em uma configuração inteiramente mais acessível ao consumidor geral, dada a necessidade de se intensificar todo o comércio de veículos. Os modelos muito equipados tiveram uma queda nas vendas.




Este novo veículo é intitulado somente: Jetta 250 TSI, consistindo em um modelo cujo valor no mercado inicia em R$ 99.990, ou seja, ele está disponível por 10 mil reais mais barato em relação ao modelo Comfortline.

Entretanto, para que a produção conseguisse estruturar um carro mais simples e mais eficiente, algumas alterações foram necessárias, e certa filtragem foi operada com relação à presença de alguns atributos de equipamentos, que precisaram ser desinstalados, no sentido de simplificar toda a sua estrutura.


Entre as alterações, seguem algumas informações:

Anteriormente os bancos estavam sendo produzidos em couro, agora, em seu lugar, estão sendo instalados bancos produzidos em tecido; nesta versão as suas rodas foram estruturadas em 16 polegadas de raio e está munido de quatro alto-falantes em oposição aos seis originais da série.

Entre outras filtragens na presença de atributos, seguem as informações:

Este modelo de sedã estará sendo expurgado da presença de funções como a chamada câmera de ré; o dispositivo GPS; a chave tipo presencial; o seu volante inteiramente revestido em couro; a função de iluminação direcionada aos pés do motorista e também se retira o retrovisor interno de tipo antiofuscante.

Embora esta filtragem nos equipamentos pareça negativa, ela, de fato, não altera em nada a essência do veículo. Existe uma grande diferença com relação ao valor de mercado, entretanto, o novo Jetta, em sua versão mais barata, foi mantido com seu melhor conjunto de aparelhagem, ou seja, permanece o dispositivo de ar-condicionado tipo digital em duas zonas; foram mantidos os faróis em luz led; permanecem os dispositivos de sensores para orientação de estacionamento, tanto dianteiros quanto traseiros; foram mantidos os seis airbags e também o controle para estabilidade.

Outras funções específicas que estão mantidas são as seguintes:

Permanece o dispositivo de Central multimídia, munido de uma tela em oito polegadas e mais a capacidade de conectividade para dispositivo Android Auto; para o Apple CarPlay e o MirrorLink; o start-stop; foi mantida a função do freio de estacionamento, tipo eletrônico e também a função de assistente para partida sobre rampas, ou seja, ele continua bem incrementado.

Agora a parte essencial e a que mais interessa, a estrutura mecânica. Todo o seu conjunto, no que tange ao aparato mecânico, constitui a mesma aparelhagem já instalada nas suas duas versões anteriores, ou seja, o Comfortline, disponível por 109.990 mil e o R-Line, disponível por 119.990 mil, e se trata do motor tipo 1.4 turbo, com desempenho de até 150 cavalos em potência e mais o câmbio tipo automático em seis marchas.

Assim, o modelo Volkswagen Jetta está vazado em uma nova versão, munida da entrada em 250 TSI, com valor de R$ 99.990 no mercado. Em realidade, este automóvel permanece o mesmo, essencialmente. Está um pouco mais barato, porém, ainda bem incrementado.

Este é o novo Sedã Jetta 2019, o qual está livre de alguns itens, como os bancos em couro; os faróis para neblina e a função de câmera de ré, porém, está munido dos importantes faróis de led; dos necessários seis airbags e do potente motor tipo 1.4 turbo.

Vale a pena conferir.

Paulo Henrique dos Santos

Compartilhar:


Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *