Chevrolet Bolt EV 2019 – Lançamento no Brasil, Especificações



O modelo 100% elétrico será lançado no Brasil em 2019.

Apesar de um mercado que ainda carece de estrutura, a Chevrolet lança o Bolt EV no Brasil. O modelo 100% elétrico promete impulsionar o setor. A fabricante, a GM, está se preparando para o lançamento que ocorrerá em 2019.

Com autonomia de 358 km com apenas uma recarga, o Bolt entrega até 200 cv de potência e 36,9 mkgf de torque. Lançado em 2017 nos Estados Unidos, o veículo traz a proposta em três pilares: eletricidade, conectividade e compartilhamento. E é essa estratégia que a GM global pretende aplicar na filial brasileira.



O modelo apresenta a mesma dirigibilidade que qualquer modelo a gasolina. A diferença é o baixo ruído em relação aos modelos a combustão, o que pode ser visto como uma grande vantagem por alguns condutores. Quando é dada a partida, surge a palavra Ready (pronto) na tela central. É o sinal para acelerar, uma vez que sem ruído algum só assim para saber que o carro está ligado.

No modo Low, em qualquer velocidade o condutor pode desacelerar e até parar apenas tirando o pé do acelerador. Dessa forma os freios são preservados, reduzindo a quantidade de energia desperdiçada, o que aumenta a autonomia do veículo. Se precisar usar os freios, não há problemas, além de eficientes eles ajudam a converter a energia cinética em eletricidade e transferi-la novamente para a bateria.



Autonomia superior a 380 quilômetros

Esse é o principal ponto focado pela fabricante. O modelo vem equipado com baterias de Lítio de 288 células, agrupadas em três conjuntos condicionados sob o piso da cabine. Para carregar a bateria de 60KWH basta utilizar o carregador básico fornecido pela GM em uma tomada residencial comum, de 220VAC/10A. Este modo permite uma taxa de carregamento média de 10km por hora de carga.

Leia também:  Land Rover Discovery com Novo Motor 3.0 Turbodiesel

Ainda há o kit opcional para recarga rápida, permitindo que em cerca de 30 minutos a bateria seja carregada para rodar 144 km. É uma tentativa de resolver a escassez de pontos para recarga quando é excedida a capacidade da bateria. Nos Estados Unidos, o Bolt conta com uma conexão para tomada industrial mais comum no país estrangeiro. Nesse modo de 240 volts e 32 amperes, a recarga da bateria é mais rápida. Por exemplo, em uma hora de carga é possível armazenar energia suficiente para trafegar por 40 km.

O público brasileiro, que dificilmente tem acesso a essas tomadas industriais, terá de carregar o Bolt em casa e adaptar-se ao trajeto diário. Apesar das dificuldades a GM tem grandes planos para os modelos elétricos no país. Há alguns dias, Carlos Zarlenga, presidente da GM Mercosul, afirmou que não se espantaria se o Bolt fosse produzido no Brasil nos próximos dez anos.

O lançamento é uma pequena parte dos planos da montadora para trazer mais elétricos para o país. Até o momento não foi enfatizado como o carro será oferecido para o mercado nacional, contudo é esperado que o modelo seja vendido diretamente aos usuários ou ser alugado por meio da Maven em um sistema que resolverá o custo de propriedade do Bolt, pois o motorista não precisará comprá-lo para dirigi-lo.

Possibilidade de alugar o Bolt

A Maven é uma companhia que atua nos EUA desde 2016 e no Brasil atua em fase experimental. Sua proposta lá fora é de alugar o modelo elétrico por US$ 8 a hora. O cliente pode alugar por meio de uma aplicação para smartphone da mesma forma que ocorre com as bicicletas compartilhadas em algumas cidades do país.

Leia também:  Land Rover Discovery 2018 - Ficha Técnica, Especificações

O condutor só precisa baixar o aplicativo, escolher o local de retirada, o veículo desejado e o local de devolução. As portas são destravadas pelo próprio aparelho e as chaves se encontram no interior do carro. Além disso, a taxa de aluguel já inclui o combustível, seguro e demais sistemas de monitoramento, o OnStar que já está disponível aqui.

Além do Bolt, a Maven disponibiliza outros modelos da GM nos Estados Unidos. São quatro categorias divididas em Compact com o Spark, Cruze; Sedan com o Buick Regal e o Malibu; SUV com o Cadillac Escalade, GMC Yukon e Eco com os modelos Bolt e Volt.

Preço e ficha técnica

· O preço de venda inicial será de R$ 175 mil (nos EUA esse valor é de US$ 37.500);

· 200 cv de potência;

· 36,9 mkgf de torque;

· Acelração de 0 a 100 jm em 6,5 segundos;

· Driver Information center com tela touch de 10,2”;

· Bateria de 60kwh com 383 km de autonomia.

Por Robson Quirino de Moraes

Chevrolet Bolt EV 2019

Chevrolet Bolt EV 2019

Chevrolet Bolt EV 2019

Outros Conteúdos Interessantes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *