Mitsubishi Lancer deve ganhar Nova Versão Crossover




Novo modelo deve ser baseado no conceito e-Evolution.

Em entrevista ao site britânico, Auto Express, Trevor Mann, chefe da Mitsubishi, comenta sobre a volta do modelo Lancer e da nova versão que a marca está preparando para essa volta, já que a reinserção do modelo no mercado mundial já vem sendo preparada pela empresa.

A partir dessa entrevista, concedida por Trevor Mann, onde alguns detalhes sobre esses planos de lançamentos foram divulgados, especula-se que a nova versão, deve voltar com um design, que seria uma fusão entre um hatch e um SUV. Além disso, não foram só as declarações de Trevor Mann que levantou especulações sobre essa nova versão, mas também uma declaração dada pelo líder da equipe de design da marca, onde ele informa que a marca está preparando algo inovador para essa nova versão.


Além disso, espera-se que como agora a Mitsubishi faz parte da Aliança Renault-Nissan, ela utilize a mecânica da empresa no novo Lancer e adote a plataforma CMF C/ D, que além de ter um tamanho ideal, consegue trabalhar com sistema de tração nas 4 rodas e adere a motorização hibrida.

A versão plug-in também é esperada nessa nova geração, pois possui maior autonomia na eletricidade e pode ser recarregado diretamente nas tomadas.

O modelo ainda é fabricado na versão sedã, tanto no Brasil como na China. No mercado asiático, a nova geração do modelo foi divulgada e continuou sendo sedã, já no Brasil, o modelo Lancer virá nessa nova versão que mescla o hatchback com o SUV.


A intenção é que a nova geração, venha para competir com modelos como o Golf da Volkswagen, o Focus da Ford, o C- HR da Toyota e o HR-V da Honda.

Em entrevista ao site britânico Auto Express, Trevor Mann, o chefe da Marca, disse que a empresa tem um plano de longa escala e bastante sólido para seus produtos.

Segundo ele, esse plano segue até o ano de 2025 e depois disso vem uma reticência. Trevor Mann explicou que houve uma conversa, entre os executivos da marca, sobre esse planejamento, onde foram discutidas algumas questões, como quais modelos a marca queria produzir e no que eles deveriam apostar e, de acordo com ele, os novos AX, L200 Triton e Outlander serão lançados, também vão ser lançados o Pajero e o Lancer.

Trevor Mann disse que o modelo Lancer certamente será o mais simples, pois esse segmento de hatches médios não estão em baixa pelo mundo, apenas nos EUA e na Europa teve uma queda, porém, na China os números em relação a aceitação do modelo vem crescendo.

Segundo Trevor Mann, a empresa enxerga esse crescimento como um apelo, por isso a marca pretende apostar nesse segmento, já que a demanda é bem grande, ao redor do mundo.

Baseando-se pela fala do chefe da Mitsubishi, surgiram algumas especulações de que a nova versão do Lancer seria um hatch de tamanho médio, mas Tsunehiro Kunimoto, o líder da equipe de design da marca, disse que apesar de ser direcionada para o segmento C, esse modelo não precisa ser um hatchback tradicional. Para ele, é possível lançar um novo tipo de hatchback. Tsunehiro Kunimoto disse ainda que a marca está pensando de maneira radical, pois não só a consistência faz parte da filosofia de design deles, mas também a originalidade.

Questionado sobre como seria esse novo hatch, Tsunehiro Kunimoto diz que o conceito que ele considera mais ideal para o novo Lancer é o e-Evolution.

A marca possui uma outra estratégia de veículos, que se encerra após o ano de 2025. Somente depois disso ocorrerá o lançamento dessa nova geração do modelo Lancer.

Lorena Ruiz



Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *