RAM 2500 Laramie 2016 será vendida no Brasil

  

  

Picape voltará a ser vendida no Brasil e terá o preço de R$ 249.900.

A RAM é um segmento de picapes pertencente ao grupo Fiat Chrysler, a qual havia, há um tempo, suspendido a importação no Brasil devido ao alto valor do dólar e também pelo aumento do IPI (Imposto sobre Produtos Industrializados), porém, sua versão única, Laramie, foi exposta no dia 6 de setembro de 2015 na famosa feira agropecuária Expointer, no estado do Rio Grande do Sul e provavelmente voltará a ser vendida por aqui, sendo importada do México, ainda antes do fim deste ano, pelo preço de R$ 249.900.

A nova RAM 2500 ainda tem seu estilo robusto e agressivo. Ela conta com motor V6 a diesel, com 330 cv de potência, 104 kgfm de torque, tração 4X4 com acionamento eletrônico, transmissão automática de 6 marchas com “Eletronic Range Select” e, por fim, programa eletrônico de estabilidade.


Externamente, a RAM 2500 Laramie Limited 2016 conta com um grande design. Adotou lanternas e faróis de LEDs, jogo de rodas em alumínio e aro de 18 polegadas. Contando também com maçanetas, retrovisores com rebatimento elétrico  para-choques dianteiros e traseiros cromados.

A segurança é outro ponto de destaque desse grandalhão que vem com seis airbags, com oito pontos de proteção. Além também de trazer frenagem inteligente e segura em dias chuvosos e acionamento de freios em uma possível desaceleração brusca.

O modelo vem de série com bancos de couro com regulagens elétricas para o condutor, ar condicionado digital de duas zonas, airbags laterais e de cortina, volante aquecido, juntamente com comandos de som e também central multimídia com tela touchscreen de 8,4 polegadas, navegação GPS.

  

Em tamanho, o veículo é um dos maiores vendidos no Brasil atualmente, possuindo mais de 6 metros de comprimento e entre eixos de 3,80m. A capacidade de reboque é de 7.750 kg e a de carga é de 1.030 kg.

Por Filipe da Silva

RAM 2500 Laramie Limited 2016

RAM 2500 Laramie Limited 2016

Fotos: Divulgação

Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *