Tesla Model S 70D será o novo substituto do S 60





Confira as principais características do modelo

A Tesla Motors continua atualizando e ampliando a sua gama Tesla Model S. O Tesla Model S 70D substituirá o modelo de acesso comercializado até agora, o Model S 60, ampliando a sua autonomia, com mais potência e tração nas quatro rodas.

Também é um momento de aumento no preço em US$ 5.000, de acordo com os preços nos Estados Unidos, contudo, comprar um automóvel destes continua sendo um excelente negócio para quem possui condições e é apaixonado pela marca.  




O Tesla Model S 70D tem aumentado notoriamente a sua potência ao ser comparado com o modelo S 60. Dos 302 cavalos do modelo S 60, o mais econômico até hoje, tem sido o modelo com 522 cavalos distribuídos em diferenciais nos motores, parte traseira e dianteira. Essa uma das principais diferenças, a estreia de uma tração nas quatro rodas neste modelo de acesso que alcança os 225 km/h e acelera do 0 a 100 km/h em apenas 5,4 segundos.  

Outra grande mudança será a incorporação de baterias de 70 kWh, com suficiente capacidade para permitir uma autonomia sobre o papel, segundo a homologação europeia, de 442 km. Um novo passo à frente, tendo em conta que o Model S mais básico até agora homologava 390 km.   


A Tesla continuará comercializando um Modelo S 85 de tração traseira, com 362 cv e uma autonomia superior aos 502 km. O modelo de acesso terá uma potência inferior ao Model S 85 por uma básica razão, para um sedan elétrico potente como este o mais importante não é ganhar 60 cv e sim possuir uma maior autonomia.  

O Tesla Model S 70D está disponível para comercialização no mercado, espera-se que as entregas possam iniciar no mês de maio nas cores prata quente, preto obsidiana e azul oceano. O preço inicial do modelo será de US$ 76.070.

Por Melina Menezes

Tesla Model S 70D

Tesla Model S 70D

Fotos: Divulgação



Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *