Brasil perdeu a liderança na produção de automóveis





O Brasil não é mais o líder na produção de automóveis na América Latina. O país perdeu o posto para o México que obteve uma alta de 10% no número de unidades produzidas no ano passado.

Este ano o Brasil também poderá deixar de ser o quarto maior mercado de carros do mundo. Os dados foram publicados pela Organização Internacional de Construtores de automóveis (Oica), durante o Salão do Carro de Genebra.  




Segundo a organização, o Brasil enfrentará um ano bastante difícil para o setor automobilístico. A previsão é que em 2015 o setor brasileiro tenha um dos desempenhos mais fracos entre os grandes mercados mundiais.

No ano passado, a produção brasileira sofreu uma queda de 15,3%, o que ocasionou no registro do pior resultado entre os dez principais mercados do mundo. Com este número, o país passou para a oitava posição no ranking de maiores fabricantes globais, com 3,1 milhões de unidades vendidas. Já o México passou a ter 3,3 milhões de unidades produzidas, superando a fabricação nacional e virando líder na região.  


O que preocupa o mercado nacional é que os resultados do Brasil vão na contramão dos países ricos e emergentes. Segundo a Oica, no mundo o setor de automóveis cresceu 3% em 2014 e, neste ano, deve ocorrer uma nova expansão de 3% tanto na produção quanto nas vendas.  

Segundo as projeções da Oica, o volume de unidades fabricadas deve chegar a 91 milhões de 2015 e, em 2020, a meta é atingir 100 milhões de carros por ano.   

No Brasil, além da produção, as vendas também sofreram. Elas caíram 7%, para 3,4 milhões de unidades em 2014. O país se manteve como o quarto maior mercado do mundo, mas passou a ter sua maior posição ameaçada pela Alemanha, que apresentou uma expansão de vendas de 3,3 milhões.  

Segundo o secretário executivo da Oica, Van der Straaten, o desempenho do setor de carros no Brasil foi afetado principalmente pela restrição no crédito e pelo impacto de barreiras ao comércio exterior. "O resultado é que o Brasil teve sua pior produção em cinco anos", afirmou.

Por William Nascimento

Produ??o de ve?culos

Foto: Divulgação



1 comentário em “Brasil perdeu a liderança na produção de automóveis

  • E também porquê o brasileiro está se ligando mais nos preços dos carros fora do país, preços estupidamente altíssimos e muitos carro vendidos afora simplesmente não vêm para o nosso país. Carro 0km é muito legal, mas 39mil em um hb20 1.0? Com esse valor eu compro um subaru impreza 2010/2012, civic 2010/2011, Hyundai Azera, entre outros.. Sim, todos usado mas em ótimo estado de conservação, bom e mil vezes melhor do que um 1.0 0km. 69mil um fox 2015? Prefiro dar em um fusion 2g ou em uma Lancer MT se for o caso.

Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *