Modelo terá 3 versões fabricadas no Brasil.

Agora é oficial. A Nissan anunciou que a fabricação do seu novo modelo de SUV, o Kicks, passa a ser feita em território brasileiro. Mais uma novidade para os fãs da marca que desejavam há muito tempo adquirir um dos modelos de SUVs mais comentados no momento.

Fabricado inicialmente no México, o automóvel recebeu algumas modificações a fim de se tornar um das marcas mais vendáveis neste concorrido segmento do mercado de automóveis brasileiros.

Com as mudanças para o mercado brasileiro, o Kicks passa a ser comercializado no Brasil em três versões que deverão trazer poucas mudanças, mas somente a incorporação de alguns itens que poderão agradar uma boa parte dos consumidores brasileiros.

Outra novidade é o preço. O novo queridinho da Nissan chega às concessionárias brasileiras com muitos recursos, sem fazer feio aos que já existem no mercado e por um preço quase igual ao de seus concorrentes (cerca de R$ 70.000,00). Para quem quer se dispor, parece ser uma boa opção para quem deseja ter na sua garagem o seu primeiro SUV.

A partir de agora, o novo SUV da Nissan chega às lojas em três ´roupagens’ diferentes. São elas:

1 – Versão S

Preço: R$ 70.500,00 (Manual) e R$ 79.200 (Automático)

Esta é a versão mais simples.

Motor: 1.6 16V, com 111 CVs de potência

Câmbio: Manual de cinco marchas ou automático do tipo CVT.

Vale salientar que o motor e o tipo de câmbio citados acima são comuns para as três versões a serem vendidas no Brasil.

Ele sai de fábrica com os seguintes itens: ar condicionado digital, direção, trava e vidros elétricos, aro de 16 polegadas (aço), coluna de direção com regulagem de altura e profundidade, rádio com Bluetooth e USB.

Como itens opcionais, temos os controles de estabilidade e tração e sistema de partida em rampas, chamado de Pack Safety.

2 – Versão SV

Preço: R$ 85.600,00

Nesta versão, encontram-se todos os itens da versão S, acrescentando a câmera de ré, aros em aço de liga leve, com 17 polegadas, partida com uso de botão, destravamento das portas sem chaves, para-choques na cor do carro, regulagem elétrica dos retrovisores, GPS e sensor de ré e estacionamento.

Como opcionais, é oferecido bancos em couro, e airbags do tipo laterais e em cortina.

3 – Versão SL

Preço: R$ 94.900,00

Esta é a versão mais cara da linha e que traz todos os itens oferecidos pelas versões anteriores, sendo que algumas opções de conforto e sofisticação são incluídos tais como maçanetas cromadas, central multimídia App cm tela sensível ao toque, painel digital, sistemas de câmeras em 360 graus, detector de movimento e acendimento automático de faróis.

Com relação ao quesito segurança, esta versão vem com um sensor de colisão frontal que pode frear o veículo ou reduzir sua velocidade na tentativa de se minimizar os efeitos dos impactos em uma quilometragem elevada, o chamado Pack Tech.

Por Emmanoel Gomes

Nissan Kicks brasileiro


Novo modelo irá desembarcar no Brasil ainda neste ano de 2017.

A montadora germânica de veículos, Volkswagen, apresentou na última terça-feira, dia 13 de junho, de forma oficial, a primeira imagem do novo VW Polo, o qual deverá ser revelado de forma completa na sexta-feira próxima, dia 16 de junho.

Essa geração do VW Polo que foi confirmada já é a sexta e ainda este ano de 2017 irá desembarcar em território brasileiro. Levando em consideração o segmento de hatches, o veículo irá ficar situado logo acima do VW Gol, Fox e Up, e estará logo abaixo do VW Golf.

A fabricante até o momento não publicou dados técnicos sobre o veículo, como os equipamentos e as motorizações que estarão disponíveis em cada configuração. O carro apenas foi visto em momentos de testes, porém ainda nunca foi visualizado de forma oficial sem a camuflagem.

No mercado automobilístico brasileiro, o VW Polo já não é comercializado desde o ano de 2015 e agora irá voltar renovado e produzido em cima da plataforma MQB, a mesma que é utilizada no modelo sedan Audi A3 e também na geração mais recente do Golf, os dois fabricados nas plantas a empresa, no Paraná, na cidade de São José dos Pinhais.

Além do modelo Polo, a empresa alemã também já está preparando o lançamento de um sedã compacto novo, que foi batizado de Virtus e será apresentado muito em breve. As vendas deste modelo serão iniciadas no ano de 2018 e contará com fabricação nacional ainda neste ano.

O sedan novo iria ficar posicionado na faixa de valor entre os modelos Voyage e Jetta, posição essa que, anteriormente quem tomava conta era o modelo VW Polo Sedan. Até o momento não foram publicada imagens e nem detalhes de forma, somente um desenho, o qual apresenta a silhueta do modelo.

Estas renovações fazem parte da estratégia ofensiva da marca que tem como objetivo buscar a recuperação de uma fatia do mercado que foi perdida no mercado nacional. O VW Gol tradicional e famoso campeão no ranking de vendas da companhia irá se manter no portfólio, sendo uma alternativa situada abaixo do VW Polo.

Por Filipe Silva

Novo VW Polo 2018

Novo VW Polo 2018


Modelo já pode ser reservado pelo valor de R$ 20 mil.

A montadora sueca de veículos, Volvo, realizou um comunicado na última segunda-feira, dia 3 de abril, informando que já foi iniciada a pré-venda do novo modelo XC60. A fabricante também informou que para que a reserva do SUV seja efetuada, o cliente interessado terá de realizar um pagamento antecipado, que irá custar R$ 20 mil, valor este que pode ser devolvido pela empresa caso o consumidor venha a desistir de sua aquisição. É válido lembrar também que o crossover ainda não teve seus respectivos valores divulgados pela marca.

No entanto, de acordo com algumas lojas da cidade de São Paulo, as quais alguns sites entraram em contato, alguns representantes da marca disseram que não sabem nada a respeito desta informação, o que acaba dificultando a efetuação da reserva para os consumidores interessados em adquirir o novo XC60. Os vendedores ainda afirmaram que este modelo só deverá desembarcar por aqui no segundo semestre deste ano, no mês de setembro e que diversas outras informações, como taxas de financiamento e preço, não foram informados.

A Volvo em resposta a alguns sites que buscaram informações, afirmou que algumas de suas concessionárias acabaram por não ser informadas até o momento, visto que o início da pré-venda já se deu neste sábado. Segundo o comunicado divulgado pela montadora, a Volvo disse que irá reforçar junto com os revendedores a comunicação para que assim seja garantido, aos clientes que pretendem fazer a reserva do novo SUV, o bom atendimento.

A nova geração do modelo SUV XC60 foi apresentada no Salão da cidade de Genebra no mês março deste ano e será comercializada no Brasil, a princípio, dotado de um propulsor de 2 mil cilindradas, movido a gasolina e que consegue gerar até 254 cavalos de potência, com tração integral, em suas versões Inscription, R-Design e Momentum. O seus propulsor também estará acoplado a uma caixa de câmbio que sempre será automática e com oito velocidades.

FILIPE R SILVA


O Golf GTI 2017 sofreu mudanças na parte estética e novos recursos foram incluídos.

A empresa Volkswagen lança este ano o novo Golf GTI 2017. A diretoria da marca fez algumas mudanças no modelo, mas manteve as principais características do carro. A sétima geração do Golf GTI tem algumas inovações no quesito recursos de assistência à condução e tecnologia.

Por ser um carro conceituado em todo mundo e muito querido pelos seus clientes, as alterações foram pequenas. O facelift sofreu mudanças na parte estética e novos recursos foram incluídos. Na geração 2017 o novo Golf recebe um motor com 10 cavalos, o que adiciona 4km/h à velocidade final. Agora ele vai de 0 a 100 km/l em 6,2 segundos, o que coloca o GTI básico na mesma categoria do antigo GTI Performance. Além dessa melhoria, o GTI básico também acompanha o sistema Dynamic Chassis Control ou DCC, com amortecedores adaptativos. No mais o nível básico do Golf 2017 mantém as mesmas outras características, a mesma suspensão passiva e assistência elétrica variável.

Por dentro o consumidor ainda tem a opção dos bancos em couro, um novo sistema de informação e interatividade e um cluster de instrumentos digital. A nova geração também conta com uma navegação por controle gestual, o que é uma bela novidade para um carro desse preço. O novo cluster é interessante, porém não é fácil de configurar. O restante do painel e cabine continua o mesmo. Os detalhes do espaço interior são impressionantes, afinal a VW incrementou a cabine do Golf com um brilho muito bonito.

Nos testes, a dirigibilidade do novo GTI supera e envolve o motorista com sua potência muito boa do motor, além de ser um carro que traz segurança e firmeza para o condutor. Em ondulações, o Golf também não decepciona. Com os amortecedores adaptativos, o motorista tem um nível alto de controle de carroceria e essa característica se destaca ainda mais no modo Sport.

Na Europa, o Golf tem muitos concorrentes com motores mais possantes, porém o modelo é o único que oferece ao consumidor a junção de conforto e dirigibilidade. A marca continua entregando aos seus clientes um típico hot hatch clássico. O que o carro tem a oferecer juntamente com a sofisticação e desempenho deixa o preço final acessível para os clientes.

Por Carolina Costa

VW Golf GTI 2017

VW Golf GTI 2017

Fotos: Divulgação


Principal alteração que a linha 2018 ganhou foram os para-choques com novo desenho. Modelos já começaram a ser vendidos no Brasil com preço inicial de R$ 45.990.

O que deu a entender que seria exclusivo do Toyota Etios Platinum e também da série Ready, agora foi atribuído a toda linha do compacto, que eram os para-choques com novo desenho construído pela equipe de criação da montadora no Brasil. Esta alteração foi a mudança principal da linha 2018, que iniciou as vendas no dia 24 de janeiro com preços iniciando em R$ 45.990.

Além do design, o veículo também contou com alterações na oferta dos itens das versões, que acabaram perdendo a opção de câmbio manual nas versões Cross e XLS. Ready e Platinum serão comercializadas somente com câmbio automático de quatro velocidades. O popular que é fabricado em Sorocaba tem sob o capô os propulsores atualizados de 2017.

A lista de itens ainda continua a mesma da linha anterior, mas a XLS (intermediária) recebeu de série, saias laterais, já a configuração top de linha, a Platinum possui agora na grade dianteira um detalhe cromado e tapetes personalizados de carpete. A montadora japonesa informou cerca de 50 acessórios para o veículo, entretanto, os valores podem mudar de acordo com a loja.

De acordo com a fabricante, é esperado que o modelo continue com o mesmo crescimento de 2016, onde foram emplacadas 67.768 unidades, embora o mercado automotivo tenha retraído 20%, o Etios comercializou 10% acima do ano de 2015. Espera-se agora, aumentar para 70 mil emplacamentos, onde 57% seria na versão hatch e 43% na carroceria sedan.

Veja abaixo os preços do Toyota Etios para o modelo 2018:

– Etios hatch X 1.3 16V – câmbio automático – R$ 50.890;

– Etios hatch X 1.3 16V – câmbio manual – R$ 45.990;

– Etios hatch XS 1.5 16V – câmbio manual – R$ 51.190;

– Etios hatch Ready 1.5 16V – câmbio automático – R$ 59.840;

– Etios hatch XS 1.5 16V – câmbio automático – R$ 56.090;

– Etios hatch XLS 1.5 16V – câmbio automático – R$ 61.390;

– Etios hatch Platinum 1.5 16V – câmbio automático – R$ 64.990.

– Etios Cross 1.5 16V – câmbio automático – R$ 64.290;

– Etios sedan X 1.5 16V – câmbio manual – R$ 50.690;

– Etios sedan XS 1.5 16V – câmbio manual – R$ 53.990;

– Etios sedan X 1.5 16V – câmbio automático – R$ 55.590;

– Etios sedan XS 1.5 16V – câmbio automático – R$ 58.890;

– Etios sedan Platinum 1.5 16V – câmbio automático – R$ 68.390.

– Etios sedan XLS 1.5 16V – câmbio automático – R$ 64.190.

Por Filipe Silva

Toyota Etios 2018 sedan

Toyota Etios 2018 hatch

Toyota Etios 2018 interior

Toyota Etios 2018 interior

Fotos: Divulgação


Uma nova série especial do Jeep Renegade chega com inspiração no filme Batman vs Superman: A Origem da Justiça. O filme chega em março nos cinemas de todo o mundo, mas a edição limitada da Renegade já está à venda com o preço de R$ 104.390 (já convertido). O modelo terá a sua venda, em princípio, somente nos Estados Unidos.

O carro traz na sua traseira um inserto que já é famoso com uma mistura dos símbolos de Superman e Batman. A aparência mais sombria é que também faz a menção a essa inspiração no longa. Os consumidores encontram a Jeep Renegade em dois tons de preto, sendo eles a Granite Crystal e a Carbon Black. Nos para-choques vemos que eles foram pintados no tom de preto brilhante. As marcas sombrias também estão presentes na grade frontal e nos logotipos.

Internamente as mudanças foram poucas. A base do veículo é a versão Latitude e conta com itens de série como ar-condicionado digital em duas zonas, central de multimídia que traz câmera de ré, partida do motor feita por botão, volante multifuncional e freio de estacionamento elétrico.  

Em termos de motorização, o Jeep Renegade traz o propulsor 2.4 Tigershark com uma potência de 186 cavalos e um torque de 23,4 mkgf. A tração é 4 x 4 com um câmbio automático de nove velocidades.

Jeep Renegade na Argentina

O modelo se encontra no mercado nacional há praticamente um ano e é sucesso em termos de vendas. Neste 2016, o modelo é um dos mais aguardados na Argentina para ser lançado. Ele terá a sua importação vinda do Brasil. A pré-venda aconteceu para os Hermanos desde o dia 13 de fevereiro e os preços ficam mais caros em relação ao nosso mercado.

O Renegade começa com um preço a partir de 398.700 pesos (R$ 108 mil em uma conversão para nossa moeda).  No Brasil, o custo começa em 74.990. Na Argentina, o Jeep Renegade terá a sua venda com apenas a versão Sport com propulsor 1.8 com potência de 128 cavalos e transmissão manual. O governo da Argentina ainda promoveu redução dos impostos internos frente aos automóveis para que a indústria fosse incentivada.

Fotos: divulgação


Conhecida como Toyota New Global Architecture, a nova geração traz grandes novidades para o consumidor

A Toyota anunciou que irá lançar ainda este ano um novo veículo médio que será o primeiro a utilizar a nova geração de plataformas da companhia. O objetivo da empresa é aumentar a competitividade e segurança de seus modelos, além de reduzir os valores de produção. A nova geração de plataforma faz parte de uma meta anunciada pela companhia há cerca de quatro anos.

Além da nova plataforma, a empresa somente divulgou que o modelo terá tração dianteira. Após isto, a empresa possuirá o objetivo na fabricação da plataforma de um veículo compacto e um grande, tendo também tração dianteira. Também é meta criar as bases para novos modelos com tração traseira, contudo, a empresa não ofereceu mais detalhes sobre estes projetos. 

Caso as metas sejam confirmadas, metade dos modelos vendidos pela companhia em 2020 terá a nova geração de plataformas, que tem a denominação de Toyota New Global Architecture (TNGA, que quer dizer Nova Arquitetura Global da Toyota).

Os novos modelos terão centro de gravidade menor. A companhia também possui a meta de que as novas estruturas irão permitir que os designers criem modelos mais atraentes. Com as novas plataformas, a empresa tem o objetivo de aumentar a rigidez estrutural de seus modelos de 30% a 65% em comparação aos modelos vendidos atualmente. Para isto, irá utilizar uma nova tecnologia de solda a laser.

Os valores de produção deverão reduzir em até 20% com a ligação de plataformas. Com isto, não será necessário possuir muitos gastos em linha de criação para lançar um novo modelo, por exemplo.

A renovação da estrutura adiciona também a fabricação de uma nova linha de motores. Mais elegantes, eles terão aspectos mais leves e compactos.

Segundo informações oficiais, os novos propulsores possuirão a meta de reduzir 25% no consumo de combustível, além da expansão de 15% da capacidade de geração de potência.

Por Felipe Couto de Oliveira

Foto: divulgação


Sem muitas novidades em termos estéticos, a versão 2016 do Range Rover Evoque, entretanto, possui características bastante interessantes a nível tecnológico.

O primeiro que chama atenção no Evoque 2016 são os faróis completamente configurados com tecnologia LED, a qual também é aplicada na luz de freio, qua agora é maior. O para-choque e a grade foram remodelados, o capô possui saída de ar no modelo de cinco portas.

No interior, os bancos incluem o modo de massagem e até 14 posições programáveis, perfeito como complemento dos seus renovados sistemas de entretenimento a bordo.

Foto: divulgação

O centro de controle, entretenimento e informação do novo automóvel é uma tela central, touchscreen com 8 polegadas. O controle das opções pode ser feito por meio de gestos ou via smartphone, que está completamente integrado com o sistema para poder ter os seus aplicativos na tela.

O sistema de som inclui até 17 caixas distribuidas em todo o setor interno do veículo, o número das caixas depende da configuração desejada pelo consumidor.

O sistema de conectividade é potencializado pela opção de integrar uma antena 3G na parte externa do teto, esta antena tem como função melhorar o recebimento dos dados, estes nutrirão os sistemas de segurança que inclui alerta por mudança de trajeto de forma involuntária (saída da faixa da via transitada), freiada automática em caso de emergência – atropelamento ou colisão iminente -, sistema que detecta se o motorista dormiu ao volante.

Este último recurso, ao verificar a situação perigosa, alerta o condutor por meio de avisos sonoros e luzes indicadoras.

Foto: divulgação

No que se refere à parte mecânica, o carro tem um motor 2.0 Turbo à gasolina com 240 cv de potência.

O novo veículo Evoque 2016 ainda não tem previsão para chegar ao mercado no decorrer deste ano, somente no final do ano será possivel encontrá-lo disponível para compra. Os preços ainda não foram confirmados.

Por Melina Menezes

Foto: divulgação


Foi apresentada recentemente pela divisão britânica da Renault a nova versão do automóvel Megane, o GT220. Mesmo tendo tido como modelo o GT, o carro vem com algumas alterações para que ele pudesse contar com um design mais esportivo. Ele é considerado como a versão mais potente da gama antes de chegar o Renault Megane R.S.

O GT 220 será comercializado em três versões: hatch, cupê e perua e não será vendido no Brasil.

A novidade da Renault vem equipada um motor 2.0 de 16 válvulas, o mesmo que o GT, no entanto, algumas alterações foram feitas para que ele pudesse ter uma potência de 223 cv com 34,67 mkgf de torque 2.400 rpm.

Foto: divulgação

O câmbio manual conta com seis marchas e a ele está acoplado o propulsor. Com estas características mecânicas, o sistema de propulsão permite que o Renault Megane GT220 alcance uma velocidade de 0 à 100 km em 7,6 segundos. A velocidade máxima alcançada pelo carro é de 24km/hora.

Os freios da nova máquina da marca possuem disco de 320 mm na dianteira de 260 mm na parte traseira. A média de utilização de combustível é de 6,1 litros a cada 100 km rodados.

A nova versão oferece três carrocerias diferentes: cupê, hatch cinco portas e perua Grand Tour. Considerando o design externo, foi colocada uma nova e maior entrada de ar no para-choque dianteiro (também modificado), rodas Sedard de liga leve 18 polegadas com pneus de 225/40 Dunlop Sport Maxx TT, frisos na cor prata adornando as extremidades, chassi desenvolvido pela Renaultsport.

Foto: divulgação

Na parte interna verficam-se bancos esportivos com revestimentos exclusivos, pedais de aluminio, volante renovado. No equipamento da série, é possivel verificar regulador e limitador da velocidade, sensor de chuva, sistema multimídia R-Link.

Os preços do Renault Megane GT220 variam entre 23.245 libras para o Hatch à 24.245 libras para a perua Grand Tour.

Por Melina Menezes





CONTINUE NAVEGANDO: