Nova linha 2017 virá com modificações significativas que chamarão a atenção dos apaixonados por carros.

Trabalhando com a Porsche, empresa controlada pela própria Volkswagen, a montadora alemã reformulou e modernizou o Touareg. O projeto começou a ganhar forma física, porém será lançado apenas ao final de 2016, como linha 2017.

Começando pelo desenho, a nova versão deverá ser menos austera. O novo design tem traços mais refinados que o atual. A parte frontal ganhará luzes de LED, como os carros da Audi. Os faróis serão os primeiros a operarem com a tecnologia de assistência dinâmica de luzes. A iluminação não será feita por um feixe de luz contínuo e estanque; o sistema calculará e emitirá luz conforme o ambiente, ajustando alcance e intensidade.

A perda de peso do veículo com ganho de performance também virá da Audi, pertencente – como a Porsche – ao grupo Volkswagen. A plataforma mecânica usada no novo esportivo utilitário virá do Q7 – e do Bentley Bentayga – com materiais mais leves. A terceira geração do carro perderá 325 quilos.

Outra mudança significativa é o aumento do já grande espaço interno. O modelo 2017 passará de cinco para seis lugares, com uma fileira a mais de bancos. Serão três fileiras de dois lugares cada. A alteração também deve-se à plataforma adaptada da Audi.

O próximo Touareg provavelmente terá uma versão híbrida, fruto de influência do Q7 e-tron, que poderá chegar a 375CV de potência. O modelo com propulsor turbodiesel e seis cilindros deverá ficar com força de 330CV.

O valor estimado para a linha 2017 parte de R$ 260 mil. Atualmente, existem duas versões do Touareg. A 3.6, de 24 válvulas, seis cilindros e 280CV custa R$ 254.686. A R-Line 4.2, de oito cilindros e 360CV não sai por menos de R$ 300 mil.

A geração do automóvel faz parte de uma investida que abrange o lançamento de cinco SUVs até 2017 em diferentes países e continentes.

Por Bruno Klein

Volkswagen Touareg 2017

Volkswagen Touareg 2017

Fotos: Divulgação





CONTINUE NAVEGANDO: