Chery QQ 2018 – Preço e Ficha Técnica


  

Saiba aqui o preço e as principais novidades presentes no Chery QQ 2018.

Hoje em dia, se sair procurar pelas vendedoras do Brasil, o modelo Chery QQ apenas será encontrado em poucas unidades do ano de 2016, os quais ainda estão em estoque e ainda não possui descontos. Entretanto, já se tem uma notícia boa para os que estão em busca do pequeno sino-brasileiro em sua linha de 2018, a qual na próxima semana será lançada com um propulsor de mil cilindradas flex, com três cilindros e ainda conta com uma versão inédita de entrada, chamada de ”Smile” e terá um preço de R$ 25.990.

De acordo com as informações apuradas por alguns sites com as concessionárias da Chery Brasil na cidade de São Paulo (SP), o modelo hatch irá perder equipamentos como direção hidráulica, desembaçador traseiro e ar condicionado, para que assim a cifra seja baixada. Isso porque até o momento o valor de R$ 31.290 que era cobrado pela versão Look possuía o título de veículo mais acessível do país. Já referente ao visual, nenhuma mudança irá ocorrer.

Os valores das outras configurações ficarão também mais agressivos: a versão QQ Look agora passar a ser vendida por R$ 29.990, já linha ACT, topo de linha, que era comercializado por R$ 33.690, será oferecida agora pelo valor de R$ 31.490, a diferença conta com faróis de neblina, rodas de liga leve, vidros traseiros, travas elétricas e também retrovisores. Se vier a escolher alguma cor metálica, haverá um acréscimo, no valor total, de R$ 1 mil.




Entretanto, o motor irá gerar uma potência de 75 cavalos ao ser abastecido com etanol e ao ser abastecido com gasolina, gera uma potência de 74 cavalos, enquanto possui um torque máximo de 10,1 kgfm e também 9,7 kgfm, respectivamente ao tipo de combustível, anteriormente o propulsor contava com 69 cavalos e torque de 9,4 kgfm.

Segundo informações divulgadas pela fabricante, o veículo, que é produzido na cidade de Jacareí (SP), sendo montado com peças que são importadas da China, alcançou “AA” em sua classificação, sendo ela a melhor possível, referente a testes de consumo realizados pelo Inmetro.

FILIPE R SILVA


Compartilhar:




Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *