Produção do Chevrolet Celta foi encerrada no Brasil


  

Montadora ainda não confirmou o encerramento da fabricação do Celta no País, mas excluiu o modelo do seu site.

Mais um ciclo se encerra no mercado automobilístico: o modelo Celta da Chevrolet, lançado há 15 anos e com mais de um milhão e meio de unidades produzidas no Brasil, deixará de ser produzido.

Rumores do encerramento na produção se iniciaram alguns meses atrás, quando na maioria das lojas o modelo se encontrava em falta e mais tarde era praticamente impossível encontrar uma só unidade disponível. O Sindicato dos Metalúrgicos de Gravataí-RS, responsável pela fabricação do carro, revelou que o modelo deixou de ser produzido desde junho, informação que a General Motors ainda insistiu em negar.

Porém, a notícia pode ser totalmente confirmada e se tornou oficial com a exclusão do modelo do site da Chevrolet há alguns dias atrás.  

Famoso por sua economia, desempenho satisfatório e mecânica confiável, o Celta foi criado com base no modelo Corsa de 1994 e foi o primeiro automóvel a ser produzido em Gravataí, desde a instalação da unidade de fabricação na cidade.

Criado através do projeto Arara Azul, o compacto foi lançado em 2000 e tinha como objetivo ser o modelo mais barato da Chevrolet no Brasil. Seus principais concorrentes foram o antigo Ford Ka e o Uno Mille da Fiat.




O modelo logo caiu nas graças do consumidor, sendo que em 2003 foi classificado pela Fenabrave como o terceiro mais vendido no País. Nos anos seguintes, conseguiu sempre se manter entre os cinco mais vendidos. No entanto, com o lançamento do Onix em 2012, a popularidade do Celta começou a entrar em declínio e perder espaço para a modernidade dos novos modelos.

A General Motors ainda não se pronunciou sobre um possível substituto para o Celta, mas a grande aposta é de que seja produzida uma versão mais básica do Onix. Enquanto o substituto não é decidido, o modelo mais próximo do Celta, quanto ao preço, é o Classic que está girando em torno de R$ 34 mil.

Por Raquel Maciel

Chevrolet Celta

Foto: Divulgação






Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *