Saiba qual é o melhor tipo de óleo para o seu carro


  

Existem 3 tipos de óleo: mineral, sintético e semissintético. Cada veículo necessita do óleo correto para ter um bom funcionamento e maior vida útil, por isso é preciso ficar atento ao manual do carro para escolher o óleo correto que será utilizado.

A função do óleo no motor de um carro é a de lubrificar, limpar e também refrigerar o motor e são funções fundamentais para que o motor possa funcionar corretamente, ou seja, nem pense em esquecer de manter o óleo do carro sempre em dia. Porém, com tantos modelos e marcas de óleos disponíveis no mercado, é mais do que comum encontrarmos motoristas em dúvida na hora de comprar óleo para o seu veículo.

Existem 3 tipos de óleo: o mineral, o sintético e o semissintético.

O óleo mineral é obtido exclusivamente do petróleo.

O óleo sintético é obtido a partir de reações químicas e é um óleo bem mais puro.

O óleo semissintético é a mistura dos dois primeiros tipos de óleos.

O importante é você nunca misturá-los no motor de seu carro, pois cada um possui suas próprias características.
Para saber qual é o óleo certo para o motor do seu carro, a melhor coisa a ser feita é pegar o manual do veículo e ver qual é o óleo indicado pela empresa que fabricou o veículo. Não adianta o mecânico recomendar ou seu amigo dizer que utilizou tal óleo e o carro melhorou. Cada carro tem seu óleo específico e isso deve ser respeitado.




Todo óleo traz a especificação SAE, que indica a viscosidade do óleo e ele é especificado por 2 números que são separados por um "W", por exemplo, o óleo SAE 5W40 indica que a frio ele se comporta como um óleo SAE 5 e quente como um óleo SAE 40 que é mais viscoso. Se você não utiliza o óleo com a especificação SAE correta, vai acabar causando um consumo excessivo de óleo ou até de combustível.
Importante verificar também a especificação API que fala sobre o desempenho do óleo no motor. Cada motor tem seu próprio nível API e deve receber o óleo específico para ele.

O óleo deve ser verificado a cada 30 dias e se o carro for um modelo mais antigo, esta verificação deve ser feita a cada 15 dias. O nível do óleo deverá ficar sempre entre os dois traços da vareta de verificação, porque se o óleo estiver abaixo vai ocasionar em falta de lubrificação e se estiver acima vai aumentar a pressão no cárter.

Lembre-se que o filtro do óleo deve sempre ser trocado com o óleo e troque o óleo, no máximo, a cada 6 meses.

Por Russel

Óleo do carro

Foto: Divulgação






Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *